Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]





Quod erat non demonstrandum

por João Miguel Tavares, em 04.10.13

O Gui anda maluco com os jogos de computador, o que é péssimo. Mas por causa dos jogos de computador, o Gui passou a jantar a uma velocidade decente, o que é óptimo. Como conseguir o óptimo sem passar pelo péssimo? A vida familiar é uma equação muito difícil de resolver.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 09:30


4 comentários

Sem imagem de perfil

De Filipa Pereira a 30.03.2014 às 00:26

Incentivando o Gui a jogar videojogos educativos como Os Sims :)
Sem imagem de perfil

De Maria Cruz a 04.10.2013 às 15:02

Ah! E lembrei-me agora, que minha filha, adora jogos no I-Pad, e sabe usar aquilo muito melhor que eu ( o que não é necessariamente um motivo de orgulho) vai utilizando aquilo e achando coisas, por isso estamos sempre juntos no seu ¨momento I-Pad¨ . Estávamos na sala a conversar e ela a escutar uma musiquinha no I-Pad, com um sorriso, e de repente meu marido escutou a música e entendeu : ¨dumbs ways to die...¨ mas a melodia era tão graciosa que demoramos para perceber... E fomos ver o que ela via e, a musiquinha tão gostosa de ouvir, tinha esse conteúdo assustador:
http://www.youtube.com/watch?v=IJNR2EpS0jw
Assusta, não é?

Sem imagem de perfil

De DJ a 04.10.2013 às 18:27

A canção está gira, a intérprete tem uma voz tão doce e melódica.. a cançao é parte de uma campanha de sensibilização para os pergios dos comboios (!) australiana. Não sei se resulta, mas que é viciante é!

"i wonder what this red button do?! " :)
Sem imagem de perfil

De Maria Cruz a 04.10.2013 às 14:51

Se ele vai jogar de uma maneira ou outra, é aproveitar a oportunidade e deixá-lo brincar!
Eu combinaria um tempo que eu achasse razoável para o jogo
e pronto! Ganha ele que tem um prazer em brincar, ganham vocês por não terem que ralhar para que ele coma mais rápido...
No fundo, no fundo ele está fazendo escolhas, e um esforço por um objetivo. Acho tudo positivo!

Comentar post




Os livros do pai


Onde o pai fala de assuntos sérios



Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D