Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]





A família Duggar

por João Miguel Tavares, em 08.10.13

Andava eu a navegar pela net quando esbarro na família Duggar. E comento com a Teresa: "Já viste a família Duggar? Têm 19 filhos e garantem que ainda não fecharam a loja." A verdade é que a Teresa já tinha ouvido falar na família Duggar. E não só tinha ouvido falar na família Duggar como me classificou de pouco mais do que analfabeto por nunca ter ouvido falar da família Duggar. Lamento imenso nunca ter ouvido falar na família Duggar, mas agora, se bem repararam, estou a tentar repetir 19 vezes as palavras "família Duggar" que é para ver se nunca mais me esqueço da família Duggar. Já agora, uma primeira foto da família Duggar (19 filhos, um pai, uma mãe e dois netos):

 

 

Aquilo lá atrás é a casa da família Duggar. A Teresa garante que a família Duggar tem uma sala de estudo que parece a Biblioteca Nacional e um quarto de vestir que parece o piso 2 do El Corte Inglés. E, pelos vistos, a família Duggar também tem um certo fascínio por camisas azuis e calças e saias cremes, o que dá um certo ar de exército pró-familiar, que pode ser ainda melhor apreciado nesta foto da famíla Duggar vestida de astronauta (a minha favorita):

 

Há duas meninas lá trás que ficaram sem fato, vá lá saber-se porquê, mas não posso jurar que façam parte da família Duggar, na medida em que há vinte e tal pessoas na foto, o que talvez se justifique por, a certa altura, uma pessoa deixar de contar. Se o caro leitor ou a cara leitora estiverem a pensar passar por Tontitown (nome sugestivo), Arkansas, e experimentem enfiar-se na casa da família Duggar, pois estou certo que serão tratados como mais um filho - só precisam de ter cuidado para inventar um nome começado pela letra "J" (já lá vamos).

 

Por outro lado, a família Duggar é não só numerosa, como parece ser também extremamente virtuosa, já que todos eles tocam um instrumento musical. Com mais um esforço e mais uns netos, poderão mesmo vir a criar a primeira orquestra sinfónica unifamiliar, como podem verificar aqui, em mais um grande momento de fotogenia (na altura em que a foto foi tirada eles eram apenas 17 - uma ninharia):
Se em cima referi os netos da família Duggar, não foi por acaso. Em 2011, Michelle Duggar (a mãe), apesar de já ter 45 anos, ficou mais uma vez grávida de Jim Bob (o pai), naquilo que seria o seu 20.º filho. Infelizmente, Michelle abortou, mas se Jubilee Shalom tivesse nascido (já tinha nome), dois netos da família Duggar seriam mais velhos do que esse filho, e portanto dois sobrinhos mais velhos do que o tio.

 

Mas mais impressionante ainda do que conseguir ter 19 filhos em apenas 22 anos (eles começaram a ter filhos relativamente tarde, em 1988, tinha Michelle já 23, mas houve dois casais de gémeos pelo meio), é terem conseguido que todos eles tivessem o primeiro nome começado pela letra "J". E isto sem nunca repetir o nome do pai Jim, o que podia criar confusões em casa. Ora fixem: Joshua, Jana, John-David, Jill, Jessa, Jinger, Joseph, Josiah, Joy-Anna, Jedidiah, Jeremiah, Jason, James, Justin, Jackson, Johannah, Jennifer, Jordyn-Grace e Josie.

 

Como era possível eu não conhecer a família Duggar? Não sei, e penitencio-me por isso. Mas agora já conheço, e aqui estou a partilhá-la convosco.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 14:35


10 comentários

Sem imagem de perfil

De Joana Lopes a 11.10.2013 às 22:58

'.... camisas azuis e calças e saias cremes...'
Haverá aqui qualquer coisa que não está a bater certo?
Esta das saias cremes faz-me lembrar chefes e mestres pasteleiros.
Parece que quando um substantivo passa a ser usado como adjectivo fica invariável.
Quanto à família Duggar acho que só se devem encontrar no relvado para a fotografia, o resto do tempo espalham-se pela mansão e raramente tropeçam uns nos outros...
E, já agora, quem paga as contas do super?
Sem imagem de perfil

De Maria Calais Pedro a 10.10.2013 às 14:05

Uau! As nossas famílias até parecem pequenas ao pé desta. Adorei a dos nomes em J. Estou a imaginar isso em Portugal...João, José, Joana, Jeremias, Janete, e que mais?
Sem imagem de perfil

De Paula a 09.10.2013 às 20:56

Em Proença -a-Nova existe uma familia que tem 17 filhos. :-)))
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 09.10.2013 às 10:57

E estes que já podem formar um equipa de futebol, com um suplente?
http://www.huffingtonpost.com/2013/08/08/family-has-12-boys_n_3726589.html
Sem imagem de perfil

De Blog Profissão Mãe a 09.10.2013 às 01:51

Não conhecia esta família e adorei este post.
Tenho 2 filhos, sai da cidade para o campo e gostava de ter mais 2 filhos, mas está mt complicado...qd nãos e tem rendimentos fixos :(
Sem imagem de perfil

De Sn a 08.10.2013 às 23:27

Não sei como têm forças para procriar. Devem ir a New York muitas vezes ;)
Sem imagem de perfil

De 20 noites de amor a 08.10.2013 às 17:38

O casamento é para procriar... Portanto foram 20 noites de amor sem limite...
Sem imagem de perfil

De Viajante a 08.10.2013 às 17:07

As opções de vida são de cada um e só de cada um mas não consigo segurar-me... que loucura!!
Sem imagem de perfil

De Sérgio Cordeiro a 08.10.2013 às 15:51

Há uns tempos atrás, vi uma reportagem sobre esta família no canal francês M6, e era espantosa a logística gigantesca que mantém os seus membros a funcionar: recorreram a electro-domésticos em segunda mão provenientes de restaurantes, a sala de jantar mais parece uma cantina, as oito máquinas de lavar e as duas máquinas de secar vieram de lavandarias que faliram, as roupas estão armazenadas numa sala e vão passando do irmão mais velho para o irmão mais novo, de modo que não há necessidade de possuir roupeiro, etc. Contudo, trata-se de uma família que coloca acima de tudo a religião, e vivem como uma comunidade relativamente fechada. Não há televisão (num dado momento da reportagem, um dos miúdos rebela-se e consegue introduzir um clandestino aparelho de televisão de tamanho reduzido, para gáudio dos irmãos), a escolaridade é feita em casa, e os manuais são tudo menos leigos. Por exemplo, num manual de biologia, onde é descrita a fisiologia do olho humano, a explicação termina mais ou menos desta forma: a complexidade do funcionamento do globo ocular demonstra a perfeição que Deus inculca na sua criação. Mais ou menos esses termos. Cada um tem direito de escolher a educação que quer para os seus filhos, ainda que ela careça de algum carácter científico, mas não critico. Fiquei espantado com a história desta família, que começou mal (pelos vistos, a primeira gravidez, se bem me lembro, não correu bem, o que levou esses papás a acolher cada rebento como uma bênção divina, e escusado será dizer que são contra o aborto), mas que conseguiram ultrapassar todos os obstáculos com imaginação, com tenacidade, e com aquela fé evangélica que os caracteriza. Gostaria que pudesse ver esta reportagem, pois a história desta família vai além dos 19 filhos: é uma comunidade familiar, cada um com a sua tarefa (poderia ser de outra maneira?), cada um com o seu contributo. Se eu encontrar a dita reportagem, eu envio.

Sérgio Rato Cordeiro
Sem imagem de perfil

De Silva a 08.10.2013 às 15:27

Muito giro. Só é pena ser tudo fruto de um profundo extremismo religioso.

Comentar post




Os livros do pai


Onde o pai fala de assuntos sérios



Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D