Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]





Rita KO - parte MMDCXLVIII

por João Miguel Tavares, em 17.10.13

E pronto. Adivinhem quem ficou outra vez em casa hoje? Há aqueles tipos dos mundiais de surf que tentam aguentar-se o máximo de tempo em cima de uma prancha. Eu tenho esse campeonato privado com a permanência da Rita na escola. Geralmente tem sido, em média, dois dias na escola e cinco ou seis dias a recuperar em casa. Desta vez aproximou-se do seu recorde pessoal (cinco dias) e conseguiu aguentar quatro dias seguidos na escola até ficar outra vez com febre e a tossir de tal maneira que parece que os seus pulmões querem visitar Lisboa. Aaaaaaaargh, bebés! É como eu sempre digo: temos de morder os lábios e esperar que o tempo passe. Lá para o ano e meio, dois anos, transformam-se em gente frequentável.

 

PS - O bom de ela estar muito tempo em casa e de eu agora estar muito tempo em casa com ela, é que naquele campeonato materno-parental de ver para qual dos dois ela o bebé quando esticamos os bracinhos ao mesmo tempo, eu já ganhei duas ou três vezes à minha mulher! Um resultado impensável em relação aos três filhos anteriores. Aqui que ninguém nos ouve, a Teresa fica mortinha de ciúmes quando isto acontece (comentário gratuito apenas para estimular uma resposta da excelentíssima esposa e animar este blogue).

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 10:22


3 comentários

Sem imagem de perfil

De Tiago Tavares a 17.10.2013 às 11:31

Logo hoje que consegui que a minha madrugasse e vos fiz uma "espera" no portão... :) As melhoras para a Ritinha e coragem para enfrentar essa onda!
Imagem de perfil

De João Miguel Tavares a 17.10.2013 às 11:34

Então deves ter visto passar a Teresa, não?
Sem imagem de perfil

De Tiago Tavares a 17.10.2013 às 11:51

Deve ter passado antes das 9h. Eu só espreitei a sala da Ritinha (ex-sala da Luisinha), e como não estava fui esticando a conversa com os meus compadres, o que já foi um excelente fim em si mesmo! As melhoras!

Comentar post




Os livros do pai


Onde o pai fala de assuntos sérios



Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D