Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]





Saudades do mercúrio

por João Miguel Tavares, em 19.10.13

Digam-me uma coisa: sou eu o único gajo a odiar os termómetros electrónicos modernaços? Vocês não imaginam as saudades que eu tenho dos velhinhos termómetros de mercúrio. Sim, eu sei que aquilo era perigoso, e tal, que o mercúrio não se recomenda, polui imenso, e dá uma trabalheira a eliminar.

 

Mas os termómetros de mercúrio davam uma confiança a um tipo que é completamente inexistente com as novas tretas electrónicas, que mais vezes do que menos parecem um concurso do Euromilhões: disparam uns números ao acaso, e quando tentamos a segunda vez os números já são completamente diferentes. A coisa é tão ridícula que já chegámos a ter cá em casa três termómetros electrónicos diferentes, para compararmos resultados.

 

Portanto, a maior parte das vezes acabo a protestar contra o progresso digital e a usar o meu termómetro manual, que ao fim de quase dez anos de paternidade já vai detectando com bastante rigor as subidas de temperatura da Ritinha. Como método, há que admitir que não é grande coisa - mas a verdade é esta: desde que o mercúrio me abandonou nunca mais confiei num termómetro da mesma maneira.





Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 17:41


10 comentários

Sem imagem de perfil

De Sofia Morais a 23.10.2013 às 10:08

Percebo-o perfeitamente, é uma dor de cabeça. Numa das últimas 'ites' que passou cá por casa, também andei com 3 termómetros e qual o meu espanto quando notei os resultados eram todos diferentes! Cheguei a detectar diferença de 1ºC entre dois deles, uma chatice...! Conclusão: passei a usar só um para detectar as variações de temperatura do meu filhote.
Sem imagem de perfil

De Farto de termomentros a 22.10.2013 às 11:33

Meu caro,

Tem todo o meu apoio. Por aqui, num dia de aflicao, fui a correr a farmacia comprar o modelo mais caro que encontrei por la. Pensando tratar-se o meu problema com o termometro de forretice. Quando chego a casa, infelizmente descubro que o problema nao esta no preco mas na tecnologia. Sao todos iguais. E quando digo iguais digo-o literalmente. Deve haver por ai uma fabrica na china que fabrica termometros para todas as marcas. So muda o logo.
Sem imagem de perfil

De ISC a 22.10.2013 às 10:47

Não há termómetro como os antigos de mercúrio....nem os equivalentes com outro material! seja qual for o termómetro que use hoje em dia...estou sempre "morta", fria que eu sei lá....!
Imagem de perfil

De Enfermeiros a 22.10.2013 às 03:36

Tem uma coisa que eu não entendo em relação ao mercúrio que é o seguinte: Foi banido dos termómetros e dos antigos aparelhos de tensão mas continua em alguma vacinas como as trivalente. Será que foi o método encontrado para reciclar o mercúrio do termómetro e dos antigos aparelhos de tensão. Talvez seja este o motivo de algumas correntes que surgiram contra a vacinação em massa em países como Inglaterra, Austrália e EUA
Sem imagem de perfil

De Viajante a 21.10.2013 às 10:32

Também cá há um bom e velhinho termómetro de mercúrio quando é necessário tirar teimas.
Tenho para mim que os digitais são particularmente falíveis no limiar - afinal é febre ou não?
Sem imagem de perfil

De Marta Vida a 20.10.2013 às 15:58

Cá em casa tivemos o mesmo problema com os termómetros digitais, mas actualmente já existem termómetros analógicos, semelhantes aos de mercúrio, mas com outra substãncia não poluente. Acho que já se encontram em qualquer farmácia...
Sem imagem de perfil

De Inês Sofia a 20.10.2013 às 02:40

esses termómetros digitais não são de confiança.
Agora há uns equivalentes ao de mercúrio mas o material chama-se gálio.
Sem imagem de perfil

De DC a 20.10.2013 às 00:05

João, aqui que ninguém nos ouve, eu tenho cá em casa dois ou três termómetros electrónicos mas tenho o de mercúrio guardado para quando preciso mesmo de medir a temperatura...
Sem imagem de perfil

De Maria a 19.10.2013 às 23:26

Cá por casa usamos o termómetro cor de laranja da Chicco. Funciona bem, convém é ter pilhas, pois as diferenças podem ser por pilha fraca.
Sem imagem de perfil

De Maria a 19.10.2013 às 23:26

Pilhas extra, entenda-se.

Comentar post




Os livros do pai


Onde o pai fala de assuntos sérios



Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D