Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]





O olhar das mulheres e o olhar dos estranhos

por João Miguel Tavares, em 05.11.13

Quem gostou deste vídeo que mostrava a enorme diferença entre o olhar que as mães têm delas próprias e a imagem que delas fazem os seus filhos, talvez ache curioso saber que a ideia já estava, com contornos semelhantes, presente num anúncio da Dove, que teve esta óptima ideia: colocar um daqueles desenhadores da polícia, especializados em traçar retratos de suspeitos a partir da descrição de testemunhas, a desenhar a imagem de uma mulher comum a partir das suas próprias palavras.

 

O método foi este: primeiro, ele fez o desenho a partir do modo como essa mulher se definia a si própria (isto sem nunca a ver, claro, havia uma cortina a separar a senhora do desenhador do FBI); depois, ele fez o desenho da mesma mulher mas com base na descrição de um estranho com quem ela havia conversado à entrada. Eis o resultado:

 

 

Claro que isto é um anúncio, e há que lhe dar o devido desconto em matéria de pôr o pessoal a sentir-se maravilhosamente e ir a seguir comprar sabonetes. Mas a experiência - que suponho que deva ser daquelas coisas que se estuda no primeiro ano de qualquer curso de Psicologia - é muito curiosa, e sempre dá algum ânimo interior. Até porque os desenhos não parecem aldrabados - não se trata de desenhar uma mulher horrorosa versus uma mulher esplendorosa, mas sim de pequenas alterações subtis, onde é perfeitamente detectável o olhar mais generoso que os outros têm sobre nós próprios.

 

E já agora, porque isto é importante: a verdade - ou seja, a real imagem da mulher - está mais próxima do retrato do estranho, como é facilmente comprovável pelo vídeo. Nós todos, de um modo geral, e as senhoras, de um modo particular, temos uma enorme tendência para amplificar os nossos defeitos. Tanto a nível físico, como a nível psicológico.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 10:27


2 comentários

Sem imagem de perfil

De Marta a 06.11.2013 às 20:43

Uma paródia:

http://www.youtube.com/watch?v=T8Jiwo3u6Vo
Sem imagem de perfil

De Insípido a 05.11.2013 às 22:48

Uma achega: Um dos criativos dessa campanha multipremiada é português, chama-se Hugo Veiga e, à altura trabalhava em S. Paulo. É um talento incrível.

Comentar post




Os livros do pai


Onde o pai fala de assuntos sérios



Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D