Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]





Os arquivos do Gui

por João Miguel Tavares, em 26.06.13
E por falar no Gui, ontem ele chegou orgulhosíssimo a casa com o seu dossiê dos trabalhos que fez na escola durante todo o ano lectivo. Eu e a Teresa tivemos de amochar 40 minutos no sofá enquanto víamos cada trabalho um a um, devidamente comentado, com reflexões elaborados sobre o conteúdo e as técnicas utilizadas. De entre os trabalhos que me dizem respeito, estes são os meus favoritos.

Eis como o Gui me descreveu à sua professora:


Gosto sobretudo da parte de eu ser giro e magro. E este é um incrível desenho a carvão da minha pessoa. Ó pra mim tão lindo:


Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 10:33


8 comentários

Sem imagem de perfil

De V. a 16.07.2013 às 10:59

Adoro esses retratos de infância! Quando a minha mãe de vez em quando mostra os que eu fazia e que ela guradou, escangalho-me sempre a rir XD
Sem imagem de perfil

De Bruxa Mimi a 27.06.2013 às 07:12

Não me tinha ocorrido, mas lembra um bocado, realmente!
Sem imagem de perfil

De Viajante a 26.06.2013 às 17:08

eheheh! Também já fui sujeita a sessão semelhante, mas tenho que confessar que gosto imenso de ver os trabalhos deles e ainda mais a expressão de orgulho que têm ao mostrá-los. Quanto às descrições do pai pelo filho, palavras para quê? O rapaz não tem obviamente problemas de expressão!
Sem imagem de perfil

De Luisa a 26.06.2013 às 15:50

Até que enfim!!! não conseguia comentar,gosto muuuuito do seu blog,das crianças,da maneira como os descreve sempre,do sentido de humor,olhe gosto muito da família toda é isso,claro as crianças são demais beijinhos.
Sem imagem de perfil

De Carla Isabel a 26.06.2013 às 12:46

Eu adorei a foto e a vossa expressão de felicidade.
Adorei o desenho a carvão...a barba desca-se...:)
Sem imagem de perfil

De João Miguel Tavares a 26.06.2013 às 12:09

Eh pá, obrigadinho :-)
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 26.06.2013 às 12:01

Gosto muito do vosso blog e é a primeira vez que comento.
Queríamos só dizer que me fartei de rir ao ver o desenho porque me lembrei logo do pai da porquinha Pepa,
Sem imagem de perfil

De Bruxa Mimi a 26.06.2013 às 10:42

É uma HONRA ter o artista a comentar as suas obras... Não percebi o tom de lamento!
O retrato do pai está muito bem conseguido, acho eu!

Comentar post




Os livros do pai


Onde o pai fala de assuntos sérios



Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D