Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]





Maldita consciência

por João Miguel Tavares, em 25.04.13
Uma das sete maravilhas do mundo é acordar e poder pegar num livro. Aconteceu-me hoje, dia da Liberdade: fingi dormitar, deixei a Teresa ir tomar conta da filharada e do respectivo pequeno-almoço, e fugi para as páginas do novo e maravilhoso livro de crónicas do Manuel António Pina (Crónica, Saudade da Literatura). Até que à segunda crónica li esta frase, alegadamente saída dos manuais de Filosofia de um tal prof. Bonifácio:

O mundo é a casa dos rapazes, a casa é o mundo das raparigas.

Chiça. Lá tive de me levantar da cama e ir ver se a Teresa precisava de ajuda.


Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 09:28


4 comentários

Sem imagem de perfil

De Pai a 28.04.2013 às 19:29

Nós optámos (tacitamente) por fazer à vez: ao Sábado um, ao Domingo o outro!:)
Sem imagem de perfil

De Susana de Souza a 26.04.2013 às 00:22

Muito Bem!!!:)Cá por casa também foi mais ou menos assim. Eram exatamente 08:30 da manhã e o mais novo dos 3, o Gustavo acorda a gritar que quer vir para a nossa cama! Consegui "empata-lo" uns 15 minutos, quando o Ricardo o do meio acordou e como sempre fez a mesma pergunta de todos os dias: "Já é de dia mãe?!" Ora pois claro a pergunta do Ricardo foi como um galo madrugador e de repente eu estou numa ponta da cama os meus 3 tesourinhos no meio e o pai na outra ponta!! Ainda tentei coloca-los todos a cantar musicas deitadinhos para aproveitar mais um pouco a minha caminha, mas não durou 3 minutos, dei-me por rendida e fui com os 3 tomar o pequeno-almoço e fingi que não reparei que o pai estava nada mais nada menos que a fazer ronha!!!! mas eu deixei e fui " recompensada" na hora do jantar, ele fez o jantar tratou das crianças e eu descansei!!!!!!!:)
Sem imagem de perfil

De Pincesa a 25.04.2013 às 12:32

Muito bem essa atitude, e com 4 filhos de certeza que precisava de ajuda
Sem imagem de perfil

De Bruxa Mimi a 25.04.2013 às 11:02

Levantou-se e fez muito bem. Consciência aprovada com distinção e menção honrosa.

Comentar post




Os livros do pai


Onde o pai fala de assuntos sérios



Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D