Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]





A Garrafa dos Palavrões

por João Miguel Tavares, em 12.02.14

A Olívia fez uma observação a um leitor mais dado às liberdades de linguagem nos comentários a este post:

 

Só para dizer que deveria, no meu entender, escrever sem utilizar constantemente asneiras... não é de bom tom!

 

Tendo em conta esta repreensão, e o facto de cá em casa sairmos com demasiada frequência do "bom tom", eu senti-me interpelado a partilhar convosco a última invenção da nossa casa: a Garrafa dos Palavrões.

 

Infelizmente, eu estou mesmo como o leitor mais dado às liberdades de linguagem: de vez em quando saem-me pela boca umas palavras que eu não gostaria que eles ouvissem; e eles, por seu lado, andam a aprender na escola um vocabulário que eu preferia que não conhecessem. Portanto, tendo em conta que falta manifestamente à família a devida polidez, resolvi construir no último sábado isto:

 

 

A Garrafa dos Palavrões é constituída por uma garrafa vazia de Pepsi (embora eu seja um homem Coca-Cola Zero), na qual fiz uma abertura para as moedas com um x-acto e na qual colei um rótulo novo, com uma descrição minuciosa do funcionamento do produto.

 

A partir de agora, sempre que alguém disser um palavrão, paga 1 euro. Isto é uma coisa democrática: abrange pais e filhos por igual. Aliás, receio bem que eu tenha sido um dos primeiros a estreá-la: os meus filhos ouviram-me a falar ao telefone com um amigo e parece que soltei dois "palavrões óbvios e horríveis" - e pimba, ficaram logo lá dois euros.

 

 

Mas o maior problema da casa e dos meus filhos não são os "palavrões óbvios e horríveis", que em geral (digo "em geral" porque às vezes eles aprendem umas coisas novas sem que tenham a menor noção do seu significado e do seu peso) eles sabem perfeitamente que não podem dizer. O problema é mesmo a velocidade com que os "estúpidos" e os "gajos" e os "putos" e os "chiças" são debitados.

 

Essas palavras foram designadas como "feias", e cada uma delas paga 50 cêntimos. Para não haver dúvidas, resolvemos fazer uma lista em família, que ficou registada na garrafa. Neste momento constam "gajo", "gaja", "fosga-se", "caraças", "idiota", "parvo", "parva", "chiça", "bosta" e gestos de "pilinha sexy" (não queiram saber).

 

O "estúpido" e a "estúpida", dada a recorrência da sua utilização, mesmo não sendo tecnicamente palavrões, sofrem penalizações extra: 1 euro. 

 

Ainda não decidimos o que fazer com o dinheiro quando a garrafa encher (porque, receio bem, há-de encher), mas para estarmos todos comprometidos em melhorar o nosso vocabulário, a Garrafa dos Palavrões foi devidamente assinada por todos os membros do agregado familiar, pais incluídos. Apenas ficou de fora a Ritinha, até porque só sabe dizer "papá", "mamã" e "já tá". 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 10:52


29 comentários

Sem imagem de perfil

De Natacha Marques a 14.02.2014 às 22:48

Cá em casa já se instituíram as mesmas regras. Começaram a fundir palavras. Assim, temos o "partúpido","esparvo", "Estonto", e por aí adiante...
Imagem de perfil

De t2para4 a 13.02.2014 às 21:08

Da maneira como as coisas têm andado pelo t2, acho que iria todo o meu miserável salário para a garrafa... Sou, assumidamente, alguém a quem a língua se solta com grande facilidade... Mas também consigo controlar-me a ponto de não os soltar em frente às minhas filhas e meus alunos. Controlo, acima de tudo frente às crianças.
Sem imagem de perfil

De Manuela a 12.02.2014 às 22:22

A propósito deste post, deixo o conselho que o meu Pai dá quando ouve alguém dizer "porra": - diz antes "arroz", tem dois "rr" e alivia na mesma!
:-))
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 13.02.2014 às 10:35

:) :)
Imagem de perfil

De Isabelinha a 12.02.2014 às 21:52

Genial! E, no fundo, é um incentivo à criatividade das crianças que, assim, têm de aprender a insultar-se sem recorrerem ao óbvio "estúpido(a)" - parece-me muito bem!
Sem imagem de perfil

De Joana Mendonca a 12.02.2014 às 20:48

Adorei a ideia! Se um dia precisar ainda "roubo"! E é boa porque dá para adaptar para outras coisas!
Sem imagem de perfil

De David Cabanas a 12.02.2014 às 17:04

Ideia muito boa...fiquei a pensar no que fazer com o resultado do pagamento das multas...
Sem imagem de perfil

De Alfacinha e Companhia a 12.02.2014 às 15:47

Olá!

Eu sugiro que o dinheiro seja doado a uma instituição de caridade.

BJs.
Sem imagem de perfil

De Luísa a 12.02.2014 às 15:33

Acho que vou copiar a ideia! E a garrafa vai encher num instante à custa doa pai, do filho e da mãe também...
Sem imagem de perfil

De Maria C. a 12.02.2014 às 14:42

Caro Pai de Quatro
Quer-me parecer que esta é uma medida digna de um ministro das finanças - ou seja, verdadeiramente a "esticar a corda"! Francamente, uma coima de € 0,50 por "parvo", "chiça", "caraças" ??? Não lembraria à "tia Maria Luis"... Essa é de ir ao Constitucional! Ou, no mínimo, à Edite Estrela... :)
Aguarda-se post sobre o significado da "pilinha sexy".
Sem imagem de perfil

De LA-C a 12.02.2014 às 14:33

C'um caneco, que raio de lista de palavras. Olha lá, e ao menos podem dizer que estão aborrecidos, ou isso paga 0,25€?

Para essa garrafa fazer sentido, deveria haver uma garrafa diferente por pessoa, ficando combinado que quando essa garrafa enchesse, apenas as outras poderiam usufruir do dinheiro correspondente. Assim como está, tu não tens nenhum desincentivo a dizer asneiras, pois quando isso encher vais gastar o dinheiro com um jantar romântico com o Ricardo Araújo Pereira e o Pedro Mexia.

Comentar post


Pág. 1/3




Os livros do pai


Onde o pai fala de assuntos sérios



Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D