Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]





A vida sexual das crianças em 1975

por João Miguel Tavares, em 20.02.14

Ando a arrumar as estantes de livros dos miúdos e a tirar de lá coisas a que eles já não ligam nenhuma. No meio dessas andanças, encontrei um velho livro meu (ou seria do meu irmão?), que a minha mãe comprou quando eu ainda era criança: Enciclopédia da Vida Sexual 7/9 anos, da autoria de quatro ginecologistas franceses.

 

A minha edição é de 1975, gloriosos anos revolucionários, e o que me interessa não é tanto o seu conteúdo, embora em certas coisas me pareça um pouco atrevidote para putos de sete anos, mas sim a sua capa.

 

 

Ora, isto hoje em dia seria absolutamente impensável. Não só por "gente nua em cadeirão de verga" remeter automaticamente para um filme erótico que era contemporâneo desta edição, o clássico Emmanuelle (1974), com Sylvia Kristel,

 

 

como por numa época tão marcada pelos escândalos da pedofilia e a protecção das crianças, qualquer espécie de nudez infantil ter sido totalmente banida do espaço público.

 

Por curiosidade, andei à procura de uma edição mais recente dessa obra publicada em Portugal. E encontrei-a à venda no OLX. A capa, como seria de imaginar, não tem nada a ver:

 

Mudam-se os tempos, mudam-se as vontades. Não sei se os nossos pais eram mais ingénuos ou mais badalhocos em 1975, mas sei que, ao contrário do que muitos pensam, e do que é tantas vezes o discurso público da decadência dos hábitos e dos bons princípios, a nossa época não é, de facto, a mais laxista de todos os tempos. Longe disso. No que diz respeito às crianças (e também aos adultos, diria eu, mas isso é outra história), parece-me óbvio que nós somos infinitamente mais pudicos do que já fomos. Como o meu precioso livrinho tão bem o demonstra.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 10:57


15 comentários

Sem imagem de perfil

De José Manuel a 27.02.2014 às 10:48

Eu tenho a colecção toda, que os meus pais me ofereceram nos períodos etários indicados e poderão ter antecipado os últimos.

Considero que o período actual é hipócrita e maioritariamente puritano, pois a geração, a minha e a do autor, é a geração do politicamente correcto nos seus anúncios perfilados por estéticas do que fica bem e não do que interessa.

Não esqueçamos, façam-me o favor, de que a maioria das crianças tem acesso à porcaria do Correio da Manhã e das revistas cor de rosa.

Não é a ausência de uma imagem de duas crianças nuas num abraço, nessas publicações, que afasta as palavras, os comportamentos e os moralismos desviantes, desviados ou ausentes de uma população mentalmente decrépita que adora reality shows zoológicos e que permite que as suas crianças os acompanhem.

Vivemos de facto um período laxista: ninguém se preocupa em dar às pessoas a possibilidade de pensarem.
Sem imagem de perfil

De Joana Mendonca a 22.02.2014 às 11:12

Também tive esses livros e ainda os tenho :)
Sem imagem de perfil

De Margarida Paulo a 21.02.2014 às 14:19

Também acho que os livros de Educação Sexual tinham imagens muito à frente. Tive (se calhar ainda tenho) este e um outro para crianças mais velhas / adolescentes. Tive muita vergonha quando o 2ª livro me foi oferecido num natal, em que eu com cerca de 10 anos o desembrulhei à frente da minha família toda...
Sem imagem de perfil

De Quando me encontrares a 20.02.2014 às 19:50

Eu tinha esse livro!
Explicava muito bem toda a biologia da sexualidade e da gravidez.
Mas durante algum tempo levou-me a pensar que o sexo só se fazia quando se queria ter um filho!
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 21.02.2014 às 12:22

E não é? lol lol
Sem imagem de perfil

De Rui M Ribeiro a 20.02.2014 às 18:41

Eu nasci em 81, mas acho que ainda me ofereceram essa reliquia!!!
Sem imagem de perfil

De Maria Calais Pedro a 20.02.2014 às 16:23

Ai que memórias me traz essa capa de 75! Eu não tinha em casa, mas uma amiga minha tinha e nós íamos à casa dela lê-lo às escondidas. A nossa página preferida, escusado será dizer, era precisamente essa, a tal que mostrava tudo em detalhe, com a tal bolha transparente. A minha Mãe deu um livro sobre o corpo humano às miúdas e também bastante explícito, mas com desenhos. O da nossa geração é que é um must total!
Imagem de perfil

De Marco Neves a 20.02.2014 às 15:37

O lugar-comum "a época em que vivemos é a mais depravada de todas as épocas" é um lugar-comum tão antigo como a humanidade.
Sem imagem de perfil

De Patrícia Fernandes a 20.02.2014 às 15:36

Eu já sou da época da reedição com ilustrações. Tenho 26 anos e já era assim quando andava na escola primária. Era uma coleção de 3 ou 4 livros e lembro-me de ter sido através de um deles que, pela primeira vez, percebi em que consistia uma relação sexual. Havia um desenho de um homem e de uma mulher em pleno acto sexual, que permitia ver os orgãos por dentro do corpo, bem com os orgãos genitais em ação (pénis dentro da vagina). Confesso que fiquei muito baralhada - e até chocada! - e essa imagem, talvez por não estar preparada para a encarar, ficou-me marcada até hoje...
Sem imagem de perfil

De Teresa A. a 20.02.2014 às 14:45

Ena! Que giro! Eu também me lembro desta coleccao na casa dos meus pais. Talvez por ser da geracao? Nasci em 1970 ;-)
Sem imagem de perfil

De Antónia Guerra a 20.02.2014 às 14:16

Os meus pais também tinham em casa… ainda o devem ter.

Há uns anos contei à minha mãe, que quando os meus pais saiam e eu ficava em casa sozinha, me punha em cima da cadeira da mesa de jantar para chegar à prateleira onde estava este e outro livro.
A minha mãe acabou por me confessar que os deixava, assim à vista, para eu lá ir e ler, já que nunca se sentia à vontade para falar sobre estes «assuntos».

Ehehehehhe! E as figuras de dentro eram espectaculares, se bem me lembro, têm representado o acto sexual do casal mas com a zona genital transparente para percebermos afinal o que é que entra onde.
:)

Comentar post


Pág. 1/2




Os livros do pai


Onde o pai fala de assuntos sérios



Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D