Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]





Esperta, a miúda

por João Miguel Tavares, em 07.02.14

Todos os dias, aí por volta das 8.40, há um maluco - ou seja, eu - que desata aos gritos com os miúdos para porem os casacos e as mochilas às costas e irem para a porta de casa, para nos irmos todos embora. Geralmente, os gritos têm de se fazer ouvir mais do que uma vez, porque há sempre mais uma coisa para fazer, mais um brinquedo para levar para a escola, mais um cabelo para pentear.

 

É sempre uma grande seca, e acabo invariavelmente por ser eu o primeiro a chegar à porta da rua, onde fico à espera deles. Mas eis que hoje, estava eu a meio da gritaria do costume - "agarrem nas mochilas!, vamos embora!" -, quando de repente olho para baixo e vejo que já alguém se me tinha antecipado. Era a Rita, pois claro:

 

 

Super-despachada, agarrou na sua própria mochila, que estava no chão da sala ao pé das mochilas dos irmãos, e decidiu dar o exemplo. Ó p'ra ela com aquele ar de "então, pá, isso é para hoje?". É impressionante como eles já percebem tudo o que dizemos com apenas um ano e meio de idade. Grande filha.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 21:22


8 comentários

Sem imagem de perfil

De CR a 25.02.2014 às 16:56

Juro que sempre pensei que era a única a julgar pela cara que o meu marido me faz todas as manhãs...
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 10.02.2014 às 15:55

Cá em casa o berreiro também começa logo pela manhã... que é de manhã que se começa o dia lol

A sorte é não termos vizinhos (moramos em casa individual) senão era reunião de condóminos para a nossa expulsão na certa!!
Sem imagem de perfil

De Simplesmente Ana a 10.02.2014 às 12:10

Tão querida!
Sem imagem de perfil

De Carla Correia a 09.02.2014 às 12:26

Bom dia
Isto também me acontece diariamente. Até costumo dizer (na brincadeira) que qualquer dia vem a assistente social a casa ver o que se passa, tal é a gritaria. Já começa com o acordar, depois para tomarem o pequeno almoço, depois para se calçarem, pentearem, mochilas, etc e tal. quando saio de casa já estou afónica (quase!!!). Bolas para os miudos!
Sem imagem de perfil

De Ana a 08.02.2014 às 19:41

A Rita é um doce!
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 08.02.2014 às 17:50

Pois ela é tão querida, a menina!
Sem imagem de perfil

De Carla Brito a 08.02.2014 às 15:03

:)
Fofinha!
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 07.02.2014 às 23:00

Deixe-a crescer um bocadinho, que isso passa-lhe... :-)

Comentar post




Os livros do pai


Onde o pai fala de assuntos sérios



Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D